Seu navegador não suporta Javascript.


Governo vai desativar delegacias que não possuam delegados concursados

28/02/2011 - 16h05min
ampliar Robert Rios Robert Rios

O secretário de Segurança Pública do Piauí, Robert Rios Magalhães, disse que a nomeação de delegados não concursados é ilegal e garantiu que cumprirá a determinação do Tribunal de Contas do Estado em relação ao assunto. As informações foram dadas em entrevista ao Jornal do Piauí, na tarde desta segunda-feira (28).

“Nós ainda não fomos notificados de nenhuma decisão do TCE, mas cumpriremos o que for decidido. Só que não é legal nomear delegados não concursados. O cargo deve ser ocupado por bacharéis em Direito, aprovados em concurso”, explicou o secretário.
 
Robert Rios admitiu que atualmente há muitos casos de policiais não concursados à frente de delegacias no Piauí e que estes serão afastados dos cargos tão logo a decisão do TCE de suspensão das nomeações for informada.
 
Nesses casos, as delegacias que não permanecerem com delegados serão desativadas e o policiamento ficará por conta do GPM – Grupo de Policiamento Militar. “Por exemplo, a polícia de São Raimundo Nonato ficará responsável por este e por municípios vizinhos. Na prática vai ficar a mesma coisa”, considerou Robert.
 
Medidas para o Carnaval
O secretário comentou as ações que estão sendo tomadas para garantir a segurança do carnaval no Piauí. Segundo ele, a orientação do governador Wilson Martins é de que os eventos públicos sejam bem organizados, especialmente nas cidades do interior do Estado.
 
“Ele [o governador] quer que a saúde esteja funcionando bem. Além disso, não quer que água ou luz cheguem a faltar nas cidades. Fora isso, o trânsito deve estar devidamente organizado”, ressaltou.
 
Bocas de fumo
Robert disse ainda que jamais foram estouradas tantas bocas de fumo na capital. “Nos últimos 30 dias tivemos várias prisões e apreensões de drogas. Nunca a polícia prendeu tantos traficantes”.


Fonte: cidadeverde.com





TV NEWS - VÍDEOS


   

Ver todos os vídeos

Wilson Martins vai ser julgado no TRE em março e pode ser cassado

28/02/2011 - 14h19min
ampliar Wilson Martins Wilson Martins

A partir de agora, procurador Marco Aurélio Adão, tem 15 dias para dar seu parecer

O processo que pede a cassação do governador Wilson Martins (PSB) chegou às alegações finais de acordo com despacho do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) e a corte marca para o mês de março o julgamento.

A partir de agora, o procurador eleitoral, Marco Aurélio Adão, tem 15 dias para dar seu parecer e o Tribunal Regional Eleitoral julga em março o processo que acusa Wilsão de fazer convênios em troca de apoio dos prefeitos municipais nas Eleições 2010.

É uma representação formulada pelos advogados do candidato derrotado Sílvio Mendes (PSDB). Dentre as provas anexadas ao processo está uma entrevista do prefeito de Teresina Elmano Ferrer (PTB) que admitiu que só passaria a apoiar o atual governador e então candidato a reeleição porque teria uma garanti de repasses futuramente.


Fonte:180graus.com





Agricolandianews entrevista Antônio Bonfim e sua filosofia orgânica.

28/02/2011 - 07h10min
ampliar Waldir Pereira e Antonio Bonfim Waldir Pereira e Antonio Bonfim

Antônio Bonfim, 36, solteiro, natural de Agricolândia- PI diz ser adepto da filosofia empírica- reflexiva cujas correntes ele as denomina de corrente orgânica.

Agricolandianews- Você se considera um filósofo apesar de não ter cursado filosofia numa universidade? Por quê?

Antônio- Sim. Um intensivo com duração de 9 a 10 períodos letivos na faculdade não consegue confeccionar um filósofo por natureza; já nasci filósofo... Entendes...?

News- O sistema exige o título? O que você acha?

Bonfim- Sim. Porém pra ser filósofo o filósofo tem que nascer filósofo com a filosofia correndo juntamente com a hemoglobina do sangue... Esta hemoglobina especial preenche o cérebro com uma unidade que chamarei de ‘’filó’’. Sobre o título, isso ficou para o filósofo profissional.

News- Filósofo orgânico? O que é isto? O termo já existe?

Antônio- Se já existe ou è novo, não sei... Pois não me atenho á história da filosofia. Existo e penso; sou filosofia...

News- Unidade ‘’filó’’? O que é isso mesmo?

Bonfim- Esta unidade só pode ser entendida na mente; coisa abstrata... Ela não pode ser tatada; medida pelo sistema; e sim vivida e refletida...

News- Você não está bagunçando as coisas?

Antônio- Se for, estou cumprindo meu papel... A ciência é que cuide de ordenar... Coisa dela

News- Uma frase?!

Bonfim- Para o ser humano ser feliz, nada é verdadeiro enquanto ele não conseguir formular suas próprias opiniões.

Esta entrevista foi um bate papo descontraído com Antônio Bonfim e o amigo correspondente.

                                                             Filosofia Orgânica

Quando pensamos em matéria orgânica, vem logo na imaginação a decomposição... Não é isso mesmo, galera?! Pois bem! Vamos tratar essa imaginação no âmbito filosófico... No momento em que temos sensações através dos sentidos é porque nós reagimos as informações no meio, não é isso?! meio atual, informações atuais, não é?! Acontecendo isso, o sistema de nervos ficam acionados, penso! Os estímulos para a filosofia orgânica, acredito, ao chegarem aos nervos eles não se deslocariam para o sangue através de pequeníssimos choques?! Pensando assim, não podemos hipotetizar que esses choques não são também orgânicos, já que a vida também é orgânica? Uma forma de intra-função de relações orgonais?! Não é?!


Texto: Antonio Bonfim





Faculdade Eventos será o nome da futura casa de shows de Agricolândia

27/02/2011 - 21h34min
ampliar Imagem inlustrada Imagem inlustrada

A dupla Nathan e Tatá anunciaram o nome que venceu a enquete lançada para a escolha do nome da futura casa de shows de Agricolândia, o nome escolhido pelos internautas foi "Faculdade Eventos’’ esse será o nome que irá ser colocado na casa de shows da dupla.

Em breve divulgaremos o nome do internauta vencedor.

O site agricolandianews agradece a todos os internautas que votaram na enquete deste site.





Vereadores aprovam Audiência Pública sobre o Conj. Novo Horizonte

27/02/2011 - 20h47min
ampliar Vereador Manoel Roseno Vereador Manoel Roseno

Em meio há várias denuncias de irregularidades no conjunto habitacional Novo Horizonte, a Câmara de Vereadores de Agricolândia aprovou na ultima sexta-feira(25), um requerimento solicitando uma Audiência Pública com um representante da Caixa Econômica Federal e os beneficiários do referido conjunto, para que possa obter mais esclarecimento sobre o conjunto, o requerimento foi apresentando pelo vereador Manoel Roseno e foi aprovado pelos vereadores presentes.

As alegrias dos causos de Agricolandia contadas pelos seus internautas

26/02/2011 - 16h03min
ampliar causos dos agricolandenses causos dos agricolandenses

RESPOSTA MAL DADA, PORRADA LEVADA

Nos idos dos anos 90, chega a casa do médico residente em Agricolândia, um esbaforido mensageiro, pedindo socorro imediato ao Sr. Nonatinho, que estava só “nos trapos”, sangrando feito bode em véspera de casório, após levar tremenda surra, não se sabia de quem.


O Sr Nonatinho já era um senhor de seus 60 anos, um pouco mais, um pouco menos, com seus dois filhos homens criados e formados, morando ambos no Sul Maravilha, religioso devoto, pacato por natureza, que naquelas datas vivia com sua única mulher havia 40 anos, lá pelos lados da Pitombeira.


O médico, de pronto atendimento, lá chegando, encontrou um ancião todo amassado, coberto de hematomas, com poucos dentes restantes na boca.


- O que se sucedeu, seu Nonatinho – foi logo perguntando.


- Não entendi direito não – balbuciou o apanhado – mas o fato é que no retorno da roça, já ao cair da noite, encontrei a Marieta Manivela caída na beira da vereda, já em trabalho de parto, chorando feito moleca...


Marieta Manivela, mais conhecida como “a horizontal”, era a única e mais famosa prostituta da região (não sabemos se era famosa por ser a única ou se era única por ser famosa). Diziam que tinha mais horas de cama do que urubu de vôo ...


Voltando ao relato do “seu” Nonatinho:


- Solidário, trouxe a dita para casa, onde minha mulher ajudou-a a ter seu feioso rebento. Entretanto, nenhum pano tinha para acolher o recém parido. Em minha bicicleta, corri à cidade para comprar algo que pudesse agasalhar o fedelho. No comércio do Alcione, comprei um pacote de fraldas. Ocorre (e o diabo sempre presente nestas horas) que por lá estava o delegado Rubão,  grosso que nem papel de embrulhar prego, famoso pela truculência e esbanjando seu porte avantajado.


- Prá quem são estas fraldas, seu Nonatinho? – perguntou jocoso o milícia, insinuando se não era para mim ...


- São para a p* que pariu, disse eu relatando a verdade. Depois disso, foi só porrada que levei...

Governador dá prazo para prefeitos se regularizarem, depois nomea interventor

26/02/2011 - 08h08min
ampliar Governador Wilson Martins Governador Wilson Martins

O governador Wilson Martins pode quebrar uma tradição das mais lesivas do Governo do Estado do Piauí, que é a de não atender ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) quando o mesmo solicita a intervenção em municípios cujos gestores não prestam contas dos recursos recebidos e supostamente aplicados. Wilson está contatando os prefeitos alvos dos pedidos de intervenção para avisar que os mesmos terão 30 dias para regularizarem suas prestações de contas. Depois do prazo de um mês o governador vai nomear interventores para administrar esses municípios.

O ideal seria que o ‘Filho do Sertão’ atendesse de imediato a solicitação do TCE-PI, mas pelo menos Wilson mostra que não está nem um pouco disposto a ser cumplice de gestores públicos que tratam a coisa pública como se privada fosse. A leniência com os prefeito que não prestam contas é uma das marcas do Governo Wellington Dias, o engavetador-geral dos pedidos de intervenção.

“Se os prefeitos não regularizarem as prestações de contas, a intervenção é inevitável”, sentenciou Wilson Martins, mostrando uma postura de magistrado, bem diferente do seu antecessor.


Fonte: GP1

Agricolandenses estão sendo lesados

25/02/2011 - 16h15min
ampliar Lâmpadas queimadas Lâmpadas queimadas

A população de Agricolândia, tiveram grandes transtornos durante todo o dia de ontem(24) com as constantes falta de energia elétrica na cidade, sem contar que durante a noite a energia faltou por volta de 22hs e só retornou quando dia já estava próximo a amanhecer, proporcionado danos e transtornos irreparáveis a população. Esperamos que a Eletrobrás possa solucionar o problema para que não aconteça novamente.


Lembrando aqui então, que a população já vem sem lesadas todos os meses, onde contribuem mensalmente com a taxa de iluminação pública, debitadas em suas faturas da Eletrobrás, e o que se ver são ruas que a mais um ano estão sem reposição das lâmpadas queimadas, outras que estão com o mesmo período com as lâmpadas quebradas, os moradores já procuram a empresa responsável pela manutenção em busca de solução do problema, mais que o servidor da empresa fala que a responsabilidade de manutenção é da Prefeitura e assim vice-verse.


O repórter deste site já falou com Prefeito João de Deus em seu nome e em nome da população prejudicada, mas infelizmente nada foi solucionado, tirando assim o direito dos cidadãos agricolandenses de ter iluminação pública, desrespeitando a Constituição Federal onde estão garantidos todos os nossos direitos como cidadãos.


O site fica a disposição da Prefeitura e da Empresa Eletrobrás para maiores informações.

Haverá nesta sexta-feira sessão na Câmara de Veredores de Agricolândia

25/02/2011 - 10h20min
ampliar Câmara de Vereadores de Agricolândia Câmara de Vereadores de Agricolândia

Depois do inicio dos trabalhos na Câmara de Vereadores de Agricolândia na ultima sexta-feira dia 18 de fevereiro, está previsto para noite de hoje (sexta-feira), 25 de fevereiro, mais uma sessão na Câmara de Vereadores de Agricolândia, o inicio será às 20hs, convidamos toda população para comparecerem a mesma.

Pensamentos do empírico-reflexivo Antonio Bonfim

25/02/2011 - 09h31min
ampliar Antonio Bonfim Antonio Bonfim

Busca

“No momento objetivo do sujeito, a educação elitista promove a ascensão através da verticalização educacional transformando os/as discentes em máquinas programadas e previsíveis ao ponto deles/as não se desenvolverem como seres humanizados/as.

Ao falar da lógica + vazio, refiro-me ao não desenvolver do eu do/a educando/a. Pense...! Ao estimular o eu do sujeito com informações subjetivas ele/a tende a buscar transformações no meio; nas circunstâncias do viver que, por sua vez, leva-os/as a sentirem e tomarem decisões baseados/as nas atitudes; na sensibilização dos seres sempre os/as circundando e, como isso, pode até ser incompreensível para alguns; no entanto, o comportamento do ser do ser haverá modificações podendo tender para ambos os lados.

Contudo quando chegares no momento subjetivo do ideológico. Estarás chegando ao verbo com mais facilidades. Todavia, de alguma maneira, estamos sempre sendo influenciados/as por uma ideologia... e se encontrássemos o tão esperado equilíbrio, nós nos transformaríamos em quê? Se já somos humanos; humanos e pensantes...”.

T C E aprova a proibição de PMs como delegados no interior do Piauí

24/02/2011 - 19h32min
ampliar delegacia delegacia

O TCE aprovou na manhã desta quinta-feira (24) o pedido de cautelar formulado pelo procurador de Contas, Leandro Maciel, para que seja efetuada a imediata suspensão de todas as portarias nomeando policiais militares para responder pelas funções de delegado de polícia. O pedido do Ministério Público de Contas atendeu a um ofício da AMAPI (Associação dos Magistrados Piauienses).

O procurador alegou a inconstitucionalidade das portarias, uma vez que as Constituições Federal e Estadual determinam que o cargo de delegado seja ocupado exclusivamente por bacharel em Direito aprovado em concurso público.

O relator do processo, conselheiro substituto Alisson Araújo, foi o primeiro a votar, acatando integralmente o pedido do Ministério Público, que pede ainda a notificação dos secretários Estaduais de Segurança Pública, Administração e Planejamento e a aplicação de multa de até 15 mil UFRs, correspondente a cerca de R$ 31 mil, em caso de descumprimento da liminar.

O voto do relator foi seguido pelos demais conselheiros, à exceção do Conselheiro Anfrísio Lobão, que julgou-se impedido, e do Conselheiro Xavier Neto, que pediu vistas do processo para votar daqui a duas semanas. Com isso, a proclamação do resultado só deverá acontecer dentro de 15 dias. O voto do Conselheiro Xavier Neto, no entanto, não irá alterar o resultado final, que já conta cinco votos a favor da cautelar.

Fonte: Ascom/TCE

Empenho de Lula ajudou vitória de Dilma na batalha do mínimo

24/02/2011 - 17h21min
ampliar Lula e Dilma Lula e Dilma

A presidente Dilma Rousseff venceu a oposição pela segunda vez em duas semanas ao aprovar no Senado sua proposta para o novo salário mínimo no valor de R$ 545 na noite desta quarta-feira (23). Para especialistas ouvidos pelo R7, os louros entregues à nova presidente deveriam ser divididos com o mesmo homem responsável por sua eleição: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que se empenhou pessoalmente na última campanha para eleger a maior bancada governista no Senado e varrer de lá caciques da oposição que dificultaram sua vida enquanto ele era presidente.

Lula já admitiu que viajou mais para eleger Dilma no ano passado do que para se reeleger em 2006. Mas ele não se esforçou só pela sucessora. Nos comícios por todo o Brasil, Lula não descia do palanque até deixar bem claro aos eleitores a “necessidade” de eleger os dois senadores da mesma coligação.

Deu certo. O PT passou de nove para 14 cadeiras na Casa, enquanto o aliado PMDB passou de 15 para 19 parlamentares. Já a oposição minguou. O PSDB perdeu cinco vagas (16 para 11), enquanto o DEM perdeu seis senadores (14 para oito).

O cientista político da UnB (Universidade de Brasília), David Fleisher, afirmou ao R7 que o esforço de Lula é porque “ele perdeu várias votações no Senado por não ter votos suficientes”. A principal derrota foi a perda de R$ 40 bilhões por ano com a derrubada da CPMF (Contribuição Provisória sobre a Movimentação Financeira).

O cientista político conselheiro da ONG Voto Consciente, Humberto Dantas, diz que “não se tem notícia em campanhas políticas de um envolvimento tão forte de um presidente pedindo voto para senador”.

- Lula se envolveu diretamente na campanha de senador. Fernando Henrique Cardoso, em 1998, e o próprio Lula, em 2006, não fizeram campanha tão forte para o Senado.

Ele lembra que Lula não conseguiu só uma bancada maior no Senado para Dilma. Ele tirou do caminho da nova presidente alguns caciques da oposição que não deram sossego ao petista em seus oito anos de mandato. De uma só vez, a oposição no Senado perdeu Tasso Jereissati (PSDB-CE), Arthur Virgílio (PSDB-AM), Marco Maciel (DEM-PE) e Heráclito Fortes (DEM-PI).

- O que o Lula conseguiu foi um enfraquecimento muito forte da oposição, que não perdeu só parlamentares, mas nomes muito fortes.

O diretor acadêmico da Fesp (Fundação Escola de Sociologia e Política), Aldo Fornazieri, diz que a vitória de Dilma no Congresso na votação do salário mínimo pode ser um sinal de que a presidente terá muitas vitórias daqui para frente por “haver um fato novo neste mandato”:

- O PMDB não é mais um agregado do governo. Com [o presidente licenciado do PMDB] Michel Temer como vice de Dilma, o PMDB agora é sócio do governo, sócio do PT. O PMDB pode votar dividido em algumas matérias, mas a tendência é que ele vote mais coeso agora. Mudou o estatuto dele com o governo.


Fonte:meionorte.com

Senadores do Piauí votaram contra aumento do salário mínimo

24/02/2011 - 09h11min
ampliar senadores do piaui senadores do piaui

Os senadores do Piauí, Ciro Nogueira (PP), Wellington Dias (PT) e João Vicente Claudino (PTB) ,votaram contra o aumento do salário mínimo. O primeiro destaque a ser votado foi o proposto pelo PSDB de aumentar o mínimo para 600 reais. Em seguida, os senadores votaram no aumento proposto pelo DEM de um salário mínimo de 560 reais. As duas propostas foram rejeitadas pelos senadores do Piauí. Confira a matéria na íntegra do G1 que mostra como cada senador votou:

A votação do projeto do salário mínimo no Senado, nesta quarta-feira (23), teve quatro etapas principais: a votação do texto-base e, em seguida, de cada um dos três destaques que podiam alterar o projeto original. Logo após a aprovação simbólica da proposta do Executivo, os senadores passaram à votação nominal de cada um dos destaques.

O primeiro destaque a ser votado foi o que modificava o valor do salário mínimo para R$ 600, apresentado pelo PSDB. A proposta foi derrotada por 55 votos contra, 17 a favor e 5 abstenções.

Em seguida, os senadores votaram o destaque apresentado pelo DEM, de um mínimo de R$ 560. Apoiada pelas centrais sindicais, a proposta foi rejeitada por 54 votos contra, 19 a favor e 4 abstenções.

Depois, o Senado derrubou outro destaque do PSDB, que pretendia retirar do texto o artigo que estabelece o uso de decreto como instrumento para o governo determinar, ano a ano, até 2015, o valor do mínimo.

Aprovado na Câmara e no Senado sem modificações, o projeto segue agora para sanção da presidente Dilma Rousseff.

'Sim' significa que votou pela aprovação da emenda, e 'Não' significa que votou pela rejeição da emenda. Veja, abaixo, como cada senador votou:

Procurador do TCE pede corte de nomeação de "PM delegado"

23/02/2011 - 15h10min
ampliar TCE - PI TCE - PI

O procurador do Tribunal de Contas do Estado pediu nesta quarta-feira (23) a suspensão das portarias que nomeiam policiais militares para exercer o cargo de delegado pelo interior do Piauí.

O pedido de medida cautelar foi feito pela Associação dos Magistrados Piauienses (Amapi) que acionou o Ministério Público do Tribunal de Contas do Estado. A peça determina a suspensão imediata dos efeitos de todas as portarias de nomeação de policiais militares para exercer as atribuições do cargo de delegado de carreira.

Os juízes contestam o pagamento de gratificações a PMs que ocupam as funções irregularmente. Mais de duzentas portarias com nomeações ilegais para responder pela função de delegado.

O procurador pede, ainda, multa de R$ 31 mil caso o governo descumpra a determinação. O pedido será julgado em sessão plenária nesta quinta-feira (24). A solicitação foi assinada pelo Procurador Leandro Maciel

Legislação
De acordo com a constituição Federal e Estadual, o cargo de delegado de carreira é exclusivo do bacharel em Direito aprovado em concurso público.


Fonte: cidadeverde.com

Ladrões de bancos de Uruçuí e Água Branca são presos no Maranhão

23/02/2011 - 12h42min
ampliar Bonfim Filho Bonfim Filho

Uma quadrilha acusada de diversos assaltos no Norte e Nordeste foi presa na última segunda-feira (21) em Imperatriz e São Luís/MA. Entre os detidos, pelo menos dois respondem por crimes no Piauí, que somados renderam cerca de R$ 1 milhão: os assaltos ao Banco do Brasil de Uruçuí em 2007 (R$ 600 mil) e Água Branca em 2009 (R$ 400 mil).

Francisco dos Santos Silva, conhecido como "Super 15", "Chiquinho" e "Pitchula", é apontado como o líder da quadrilha. Ele e Rayrison Ribeiro da Silva, o "Biroi" são investigados pela Comissão Investigadora do Crime Organizado do Piauí - CICO - pelo assalto de Uruçuí. O segundo também responde pelo crime em Água Branca.

O presidente da CICO, delegado Bonfim Filho, informou que a polícia do Maranhão já manteve contato com a de Uruçuí para saber se existem novos mandados de prisão contra os acusados. Agentes ainda fazem levantamento para saber se outros dos seis detidos também respondem por assaltos a banco no Piauí.

A quadrilha é responsável por crimes recentes nas cidades de Baião/PA e Formosa da Serra Negra/MA, nos mesmos moldes dos praticados no Piauí: armas de grosso calibre, funcionários e clientes tomados como reféns e libertados horas depois, grande quantia de dinheiro subtraída.

Também foram presos Jorge Carlos dos Santos, o "Zoião"; Ruan Murilo Almeida Silva, o "Mu"; Pablo da Rocha Magalhães, o "Escobar" e Alexandre Marques da Silva, o "Kenga". Todos serão transferidos para o Pará. Mais suspeitos são procurados.

Bonfim Filho disse ao Cidadeverde.com que os envolvidos em crimes no Piauí poderão ser ouvidos por carta precatória no decorrer dos processos, ou até recambiados.


Fonte: Cidadeverde.com

Governo cancela 273 mil benefícios do Bolsa Família

23/02/2011 - 11h40min
ampliar Imagem inlustrada Imagem inlustrada

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome cancelou neste mês 273.263 pagamentos do Bolsa Família por falta de atualização de dados dos beneficiários.

Quem recebe o auxílio deve confirmar ou alterar suas informações pessoais a cada dois anos, como determina o decreto nº 6.135, de 2007, para controle do governo federal.

O recadastramento, que chegou ao fim no dia 31 de dezembro, atingiu 77% das 1,1 milhão de famílias convocadas. O número de benefícios suspensos corresponde praticamente à metade do registrado no recadastramento anterior, relativo ao final de 2009.

Em fevereiro do ano passado, foram cerca de 550 mil benefícios cancelados. Conforme o ministério, à época, 3,4 milhões de famílias precisaram renovar informações como endereço, renda e número de pessoas.

Os beneficiários recebem o aviso de recadastramento no Bolsa Família em seus extratos de pagamento.


Fonte: R7

Jesus Rodrigues quer proibir compra de bebidas alcóolicas por órgãos públicos

23/02/2011 - 09h28min
ampliar Dep. Federal Jesus Rodrigues Dep. Federal Jesus Rodrigues

A solenidade é oficial e a bebida servida, inclusive a alcoólica, é oficialmente paga com dinheiro público. É para corrigir essa distorção que o deputado federal Jesus Rodrigues (PT) protocolou projeto de lei que proíbe a aquisição de bebidas alcoólicas por qualquer órgão, instituição ou autarquia.

A medida atinge o poder público municipal, estadual e federal. “Não importa qual o motivo, horário do evento ou solenidade. Como servidores do povo devemos dar o exemplo e banir o álcool das nossas repartições e gabinetes”, destaca o parlamentar.

O projeto de lei também condena o consumo de bebida alcoólica nesses recintos, mesmo que o produto seja fruto de patrocínio. “Vinho, uísque, vodca, nada disso será permito nos copos, seja de deputados, vereadores ou secretários, homens públicos que devem dar o exemplo contra a cultura do álcool que destrói milhares de famílias em nosso país diariamente e mata milhões nas estradas a cada ano”, pontua o deputado.

Para Jesus Rodrigues, é preciso criar uma nova cultura, em que a bebida alcoólica seja considerada cafona, como é o cigarro. “O câncer, o enfisema pulmonar e as várias doenças causadas pelo hábito de fumar forçaram o Governo a combater o vício e a alertar as pessoas para os prejuízos que causa. Precisamos fazer isso também em relação às bebidas alcoólicas, tão ou mais prejudiciais do que o cigarro”, alerta.

De acordo com Jesus Rodrigues, a ideia do projeto é pensar uma maneira diferente de lidar e tratar a problemática relacionada ao consumo de álcool no Brasil, cabendo à administração pública o exemplo e a atitude pedagógica de zelar pelos recursos públicos e evitar o consumo de álcool em suas dependências e atos solenes.

Caso seja aprovada, a lei implicará pesada multa de R$ 1.000,00 (mil reais) a R$ 10.000 (dez mil reais), a ser atribuída ao responsável pela gestão do órgão que compre bebida alcoólica. Também serão multados em R$ 500,00 (quinhentos reais) a 1.000,00 (mil reais) aqueles que consumirem esse tipo de bebida em bens públicos, seja da administração direta ou indireta.

“Essa é uma medida que visa proteger o princípio da moralidade que norteia a Administração Pública, estabelecendo punição para o agente que violar esse princípio. A aquisição de bebidas alcoólicas nesse meio concretiza apenas o gasto de dinheiro público sem qualquer benefício para a coletividade, ferindo de morte a moralidade administrativa”, ressalta.


Fonte:GP1

Adapi traça cronograma especial da aftosa para 2011

22/02/2011 - 15h13min
ampliar Febre Aftosa - Imagem Ilustrada Febre Aftosa - Imagem Ilustrada

Definir estratégias e ações para o alcance do reconhecimento do Piauí como zona livre da aftosa. Esse é o intuito da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Piauí (Adapi), através do cronograma da aftosa, uma lista de atividades pontuais para todo o ano de 2011.

“Estamos há quatro anos com índices de vacinação superiores a 90% em todo o Estado e, baseados nas diretrizes e prazos do Ministério da Agricultura, pretendemos dar o passo decisivo rumo ao reconhecimento nacional e, se possível, internacional”, afirma Raimundo José Mendes, diretor técnico-operacional da Adapi.

De acordo com o diretor, o Piauí já se encontra adiantado com relação aos demais estados do seu bloco de evolução, já tendo cumprido a etapa prevista pelo Ministério da Saúde para o mês de março, que solicitava o envio de uma base de dados da última etapa de vacinação e do trânsito de animais referentes ao ano de 2010.

Para abril, está prevista reunião com um representante do Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura para a discussão das diretrizes rumo a essa evolução, seguida, em maio, pela primeira campanha estadual de vacinação.

O objetivo é que, após o cumprimento das metas de vacinação e posterior avaliação por parte de auditores federais, ainda no primeiro semestre, já seja iniciada a formulação do inquérito soro-epidemiológico para a detecção da presença ou não do vírus da doença no rebanho piauiense.

“A continuidade do nosso trabalho e os incentivos tanto federais quanto estaduais justificam nossas expectativas positivas quanto ao Piauí como zona livre da febre aftosa em 2011. Essa perspectiva é, inclusive, pauta a ser discutida pelo governador durante o Fórum dos Governadores do Nordeste, que está aconteceu nessa segunda-feira (21), em Alagoas”, ressalta o diretor.

Com a divulgação desse reconhecimento nacional para o Piauí, o Estado estará apto a defender o reconhecimento internacional junto à Organização Internacional de Saúde Animal (OIE), durante encontro que acontecerá em Paris, em maio de 2012.


Fonte: 180graus

Inadimplência junto a Eletrobras e Agespisa pode levar à reprovação de contas

22/02/2011 - 13h41min
ampliar  TCE-PI TCE-PI

O Tribunal de Contas do Estado decidiu hoje, em plenário, que a ausência do pagamento das contas dos serviços considerados essenciais, como água e energia elétrica, será considerada falta grave, quando do julgamento da prestação de contas dos municípios.

A decisão foi tomada a partir de denúncia formulada pela AGESPISA e pela ELETROBRÁS, em função do alto índice de inadimplência dos municípios com essas empresas. Atualmente, 101 prefeituras encontram-se inadimplentes com a AGESPISA, somando um débito de cerca de R$ 20 milhões. Com relação à ELETROBRÁS, o débito chega a R$ 95 milhões.

O TCE tomou essa decisão com base na Lei de Responsabilidade Fiscal, que veda o endividamento dos entes públicos, sem que haja recursos assegurados  para o pagamento da dívida contraída. A LRF estabelece ainda que seja feita a amortização gradual da dívida, o que não vinha acontecendo no caso dos municípios piauienses. A medida passa a valer a partir do julgamento das contas referentes ao exercício de 2010 e pode, inclusive, responsabilizar pessoalmente os gestores  pelos encargos incidentes.

Quem te viu e quem te vê

20/02/2011 - 21h43min
ampliar quem te viu e quem te vê... quem te viu e quem te vê...

QUEM TE VIU E QUEM TE VÊ...

Figura folclórica na cidade de Agricolândia, conhecido leva-e-trás de fofocas, entra esbaforido em um comércio local, na manhã deste sábado, e anuncia a grande nova: “O prefeito foi cassado!!!”


A princípio não entendi direito se o prefeito havia sido cassado ou caçado. Eu sei que nosso edil não é muito de freqüentar nossa cidade, e vive sendo caçado (com cedilha) pelos seus eleitores arrependidos, pelos servidores municipais com salários atrasados e por outros cobradores menos cotados.


Logo atrás entra outra figurinha carimbada e confirma a estória do primeiro anunciante, agora com mais detalhes, falando de ordem de prisão, de documentos apreendidos, de polícia federal. Mas estes dois, pensei cá com meus botões, não eram cabos eleitorais do então candidato a prefeito nas últimas eleições e não vivem de braços dados com o ex prefeito Barradas?


É muito comum encontrarmos uma grande quantidade de ex colaboradores da Prefeitura que agora festejam a desgraça administrativa que ajudaram a criar. São aqueles que torcem para o quanto pior melhor, organizam a população para agirem contra a prefeitura e posam de bonzinhos de última hora.


Vamos então recordar: o ex prefeito Barradas e seus cúmplices, aí inclusa a sua chefe da gangue e braço direito Mãezinha Metralha, esbulharam os cofres da Prefeitura e cometeram todos os desmandos imagináveis em todos os setores e convênios possíveis. Fraudaram licitações, abriram despesas sem a provisão de fundos, atrasaram entregas de prestação de contas, não aplicaram os recursos legais na educação, repassaram mais dinheiro a Câmara Municipal do que o legalmente permitido, fizeram despesas sem licitação e forjaram outras (fracionamento), não pagaram a seus servidores o salário mínimo, não recolheram o INSS, passaram inúmeros cheques sem fundos da Prefeitura, não repassaram os recursos recebidos do Fundeb. E isto não é conversa de botequim. Está no relatório do TCE 18.733/09, que em decisão de nº 1.094/10 de 22/09/2010 condenou o Dr Barradas a restituir o valor desviado e aplicou-lhe pesada multa. E sabemos que o mesmo poderá ser preso, assim como foram os outros prefeitos.


Depois de dois mandados, não podendo se reeleger e temeroso que a ex-primeira-cúmplice tivesse sua candidatura questionada pelo Tribunal Eleitoral graças as trapalhadas (para sermos educados) cometidas na gestão do marido, lançou o atual prefeito João de Deus com o intuito de torná-lo um fantoche seu, o que de fato conseguiu nos dois primeiros anos de mandado. Basta lembrar que o ex-prefeito tinha a posse dos talões de cheques da Prefeitura, assinados pelo Prefeito e pelo Tesoureiro.


Com o rompimento entre o atual e o ex prefeito, alguns gestores fiéis ao casal Metralha trataram de sabotar a Prefeitura, subtraindo documentos diversos, como notas fiscais, folhas de pagamento, demonstrativos, recibos, etc. A conseqüência destes desmandos e fraudes, a população da cidade está sentindo agora: contas bloqueadas, convênios suspensos, auditorias, balancetes atrasados.


É inegável que o prefeito João de Deus tem sua parcela de culpa nisto tudo. Mesmo porque, depois do rompimento, não tratou de remover todos aqueles gestores e servidores que colaboraram abertamente com as falcatruas dos Barradas. Perdeu uma grande chance de aglutinar as forças políticas e de todos aqueles que amam a nossa cidade em uma missão de reconstrução e limpeza.Mas isto é muito diferente do que responsabilizá-lo pela atual situação catastrófica de Agricolândia, como estão tentando fazer os cabos políticos da gestão anterior. Na verdade, estão querendo levar alguns incautos eleitores a acreditarem que, incrivelmente, antes seria melhor que agora.


Por isso, conterrâneo, esteja atento para a origem das informações que recebemos. Tem muito Cavaleiro do Apocalipse dando uma de Anjo Anunciador.


Esperamos que o prefeito João de Deus, resolva todas essas pendências, pois esse povo sofrido não agüenta mais tanto escândalo envolvendo nome de nossa cidade.


“Nas eleições para prefeito de 2008, a propaganda nos comícios que se ouvia na cidade era assim, se com um prefeito é bom, imagine agora com dois”


E hoje podemos está sem nenhum...


Reporter:Arthur Teixeira/Claudio Alves

EnqueteVocê é a favor ou contra da Lei da Ficha Limpa para nosso municipio. Vote SIM P/ a favor e NÃO P/ contra.

Auditado por Google Analytics