Seu navegador não suporta Javascript.

Concurso Publico Sob Suspeita de Fraude

20/03/2018- 14h04min
ampliar Concurso Publico Sob Suspeita de Fraude Concurso Publico Sob Suspeita de Fraude

Mas um ato duvidoso (para sermos educados) do Secretário de Educação do município de Agricolândia: a Vereadora, Professora e Assistente Social EDITH RIBEIRO há muito vinha cobrando dos gestores a execução de um concurso público para o município, pois há muito tempo existe a carência de funcionários públicos no município (alguns “contratados” são tratados analogamente aos escravos, em pleno século XXI).


Nos últimos anos, o Secretário de Educação só faz testes seletivos. E no último teste seletivo, são fortes os indícios de que o Sr. Secretário de Educação fez manobras especificamente para prejudicar a Professora Edith Alencar. E se deu mal. Na época, ouviu-se que muitos professores comentavam que o próprio secretário vangloriava-se nos corredores da Secretaria afirmando que a professora Edith não assumiria a vaga (de professora de Geografia) a qual disputou, “mesmo obtendo a maior nota no certame”. A professora Edith Alencar desmascarou a manobra do Secretário de Educação, que havia lhe atribuído uma menor nota, forçando-o a promover a devida correção e publicando-a no Diário Oficial, agora com a professora Edith em primeiro lugar. Em retaliação o Secretário colocou outra professora, de outra matéria, para ministrar aulas de Geografia, assim não convocando a professora Edith. É notório que o nosso município está carente de professor(es) de Geografia em seus quadros.


A prefeitura lançou o Edital para Concurso Público 001/2018, com 107 vagas diversas, de vigia a médico, incluindo professores. Mas, pasmem, não reserva nenhuma vaga para professor (a) de Geografia. Como se explica que recentemente foi realizado teste seletivo para Professor de Geografia, vaga esta não preenchida, e agora simplesmente a vaga “sumiu”?


Lamentavelmente, o mesmo Secretário de Educação, talvez demonstrando não ter responsabilidade para com o povo de Agricolândia, estaria comentando nos corredores que o motivo da ausência da especialidade de professores de Geografia no concurso, seria somente para não dar oportunidade para a professora Edith Alencar concorrer ao cargo de professor, e, o mais grave, que o concurso seria “dirigido” para agraciar os integrantes de uma lista (secreta) já existente que , inclusive, incluiria ele. Se isto for verdade, além de ser uma enorme irresponsabilidade vinda de uma pessoa de confiança do próprio Prefeito, coloca sob suspeita todo o concurso público e principalmente a administração atual. Corremos o risco de vermos este concurso questionado pelo Ministério Público. O prefeito tem que se pronunciar!


Ficamos sabendo da existência de um grupo de professores, revoltado com a perseguição traiçoeira que estava sofrendo a professora Edith, e que fizeram questão de nos procurar. Checando as informações trazidas (como sempre fazemos), consultando diversos amigos e eleitores, tivemos a certeza dos fatos narrados e do que esses gestores são capazes.


No início, levamos os fatos ao conhecimento do prefeito Walter Alencar, sugerindo uma reunião com os envolvidos. Sempre buscamos esse encontro, e nada de acontecer!


O que igualmente nos revolta, é vermos pessoas (prevê-se 3.000 candidatos inscritos) sem condições financeiras, pagando apostilhas, pagando cursinhos e sujeitos a verem frustrados seus sonhos de um emprego, que deveria ser proporcionado da maneira mais democrática (que é o concurso público), pelo descaso de um despreparado assessor que acredita, que por ser Secretario Municipal é o dono do município para fazer o que bem entender.


Lamentamos muito, e pedimos a toda a população para que fiscalizem, denunciem, fiquem atentos, pois sabemos o quanto lutaram e lutam por um emprego digno.


Deixamos aberto o direito de resposta, ficando aberto o diálogo democrático, pois não desejamos que nos aconteça o que aconteceu na cidade vizinha de São Pedro, onde centenas de candidatos foram prejudicados no concurso público onde o Ministério Público encontrou diversas irregularidades e ainda hoje ninguém assumiu. Simplesmente pela ganância e o desrespeito com o povo.

EnqueteVocê é a favor ou contra da Lei da Ficha Limpa para nosso municipio. Vote SIM P/ a favor e NÃO P/ contra.

Auditado por Google Analytics