Seu navegador não suporta Javascript.

Prefeito de Palmeira do Piauí João da Cruz é acusado de negar ambulância

30/03/2011 - 16h30min
ampliar Imagem ilustrada Imagem ilustrada

Essa Matéria nos chamou atenção, veja.


A redação do Portal GP1 recebeu uma denúncia contra o prefeito da cidade de Palmeira do Piauí, João da Cruz Rosal da Luz.

De acordo com a denúncia, Carlos Sérgio Almeida teve uma crise de apendicite aguda e foi levado para o Hospital Regional de Bom Jesus no sul do Piauí, a 40 km de Palmeira, aonde foi recomendado que ele fosse levado imediatamente para Teresina para realização de uma intervenção cirúrgica. No entanto, a solicitação da ambulância para levar o paciente foi negada pelo Secretário de Administração de Palmeira do Piauí, José Américo, alegou que somente o prefeito da cidade, João da Cruz Rosal da Luz poderia autorizar a liberação da ambulância. O Prefeito, segundo informações, estaria em Bom Jesus. Diante disso, o paciente só foi transportado para Teresina depois que o prefeito de Currais cedeu a ambulância do município.

Na mesma noite mais uma pessoa, também de Palmeira, identificada por Benigno Pinheiro, precisou da ambulância que novamente foi negada.

Ainda segundo a denúncia, o transporte não foi cedido a Carlos Sérgio Almeida porque ele é correligionário do ex-prefeito de Palmeira, João Carlos Andrade Cavalcante que é adversário político do atual gestor da cidade, João da Cruz.

Em Palmeira, na atual gestão, é comum negar os serviços públicos a quem não reza na cartilha do prefeito.


Matéria postado no GP1

EnqueteQual dos tres vereadores que você acha que tem competencia para assumir a presidencia câmara dos vereadores

Auditado por Google Analytics